All About     Blogosfera     Conversas à mesa     De fones     Faculdade     Opinião      Pé na Estrada     +

Filmes || O Pátio das Cantigas


Não consigo olhar para os filmes portugueses como inferiores. Nem quero, porque não o são! Aliás, como em tudo, há os bons e os maus. Sem dúvida, que somos sempre muito mais aliciados para outros - que não os nossos -, e eu também o sou! Mas se me perguntarem se me arrependo de já ter gasto algum dinheiro em cinema português, vou responder com um sorridente Não! Não me arrependo, e sempre que posso sou a primeira a tomar iniciativa para os ver. 

O Pátio das Cantigas, talvez por ser o primeiro, não me seduziu. Não me fez sonhar com uma ida ao cinema. E só agora é que o vi. Em parte, devido ao Leão da Estrela, porque me fez dar umas valentes gargalhadas em pleno cinema (Graças a Deus que não era a única!) e também pelo facto de perceber que o enredo do filme, o conteúdo, era quase fiel ao de 1947 apenas com algumas actualizações. No fundo, a fórmula secreta para me fazer despertar a curiosidade sobre o primeiro. 

O filme conquistou-me logo desde o início, talvez por corresponder a uma época tão lisboeta, tão nossa: Os Santos. E tão bom que é mostrar as nossas tradições! As sardinhas, a nossa música popular, a cerveja, os arranjos tão coloridos nas ruas, as gargalhadas típicas e as conversas com amigos. Sinto que não havia melhor maneira de retratar esta festa tão animada. Para além disso, o Pátio das Cantigas tem uma história bastante fiel à de 1942 - diz a minha avó! - e é tão divertido vermos o desenrolar dela, sempre com uma risada a dar. 

E vocês, apostam na nossa indústria cinematográfica? 

19 comentários :

  1. fui ver este filme ao cinema e não achei que valesse o dinheiro que lá deixei... é giro sim, mas não passa disso... estava à espera de bem mais!

    ResponderEliminar
  2. Por acaso queria ver este filme. Cinema português para mim é sempre meh. Mas este parece-me super giro ;)
    beijinho
    The-not-so-girlygirl.blogspot.com

    ResponderEliminar
  3. Sem dúvida que sim. Tem muita qualidade e diz-nos muito sobre a nossa forma de estar.

    ResponderEliminar
  4. Eu cá acho que temos um cinema com valor, digam lá o ue disserem!

    ResponderEliminar
  5. Sem duvida que os meus filmes preferidos são todos portugueses, um deles é o Leão da Estrela. A paixão é enorme por este país e isso notasse nestes filmes. Adoro!

    ResponderEliminar
  6. Também tenho muita curiosidade em ver esse filme, juntamente com a Gaiola Dourada e o Leão da Estrela :) E o nosso cinema é bastante reconhecido lá fora, oito filmes estão nomeadas para Ursos de Ouro do Berlinale, não faz sentido continuar a haver preconceito em relação ao que é produção nacional :)

    ResponderEliminar
  7. Eu gostei do filme mas estava à espera de mais. Concordo contigo, todo o bairro, a sua caracterização, as falas fez do filme tão "nosso", tão português :)

    ResponderEliminar
  8. não vi mas depois do teu texto fiquei com vontade de ver.

    http://omeumundoaleatorio.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  9. O cinema português está a evoluir e também não consigo olhar para os nossos filmes como inferiores. Lá está, é como tu dizes, há bons e maus. Da mesma forma como nem todos os filmes estrangeiros são considerados fantásticos.
    Um dos meus filmes favoritos é português: Florbela!

    ResponderEliminar
  10. Já vi o filme e gostei. Não goooostei, mas gostei. Acho que fica bastante aquém do original mas a verdade é que são tempos diferentes e o cinema tem de se adaptar a eles. Nesse aspeto foi um trabalho bem conseguido e, tal como disseste, caracterizou bem a sociedade lisboeta na época dos Santos, só por isso já ganha pontos!

    Beijinhos,
    http://thelostlouboutin.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  11. Já vi esse filme e adorei!
    Beijinhos,
    Sofia

    ResponderEliminar
  12. Eu só conheço os cartazes! Ainda não o vi.

    ResponderEliminar
  13. Por acaso ainda não vi o filme mas já vi imensas vezes o trailer e sempre fiquei com aquele bichinho para ver. E também não concordo com o preconceito com o que é nacional mas a verdade é que se vê muito!
    Um beijinho,
    http://secretsofablondie.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  14. Sinceramente, prefiro O Pátio das Cantigas original mil vezes. Este novo não gostei muito. O Leão da Estrela (original) é dos meus filmes preferidos e ainda não vi o novo, mas estou com curiosidade em ver :)

    ResponderEliminar
  15. Aproveitei para este filme no Natal (a RTP transmitiu em formato mini-série) e não consegui achar muita piada. Prefiro o anterior. Em relação ao ambiente, tens razão. Não sou de Lisboa, mas foi das únicas coisas que achei engraçadas no filme :)

    ResponderEliminar
  16. Este realmente não me puxou muito, vê-se bem, mas... "A gaiola dourada" é que acho que ficou muito bem conseguido, gostei imenso. Mas no geral, cinema português não está na minha lista de "a ver", esperemos que isso mude entretanto :)

    ResponderEliminar

Qualquer comentário nocivo, relativamente ao conteúdo do blogue ou à integridade dos meus leitores, será eliminado por mim. No que toca a eventuais perguntas estas serão respondidas aqui. Obrigada :)